Ansiedade

 

 

Segundo o National Institute of Mental Health (NIMH) dos EUA:

 

  • A ansiedade faz parte da vida. Você pode se sentir ansioso(a) diante de problemas no trabalho, antes de fazer testes ou de tomar decisões importantes.
  • Porém, a ansiedade pode ser um transtorno quando envolve mais do que uma preocupação temporária ou medo.
  • Para pessoas com transtornos de ansiedade, a ansiedade não desaparece e pode piorar com o tempo. Os sintomas podem interferir nas atividades diárias, como desempenho no trabalho, trabalho escolar e relacionamentos.
  • Existem vários tipos de transtornos de ansiedade, incluindo: transtorno de ansiedade generalizada, transtorno do pânico e vários transtornos relacionados à fobia.

 

Saiba se você já apresentou sintomas de transtornos de ansiedade:

 

 

- Você tem se sentido muito preocupado(a), inquieto(a) ou ansioso(a) em relação a vários aspectos da vida cotidiana (ex.: trabalho, escola, casa, família, amigos, etc.)? Alguém já te disse que você se preocupa demais com tudo?

 

- Você já teve episódios repetidos em que se sentiu subitamente muito ansioso(a), assustado(a) ou desconfortável, em situaçãoes em que a maioria das pessoas não se sentiria assim? Nesses casos, você teve medo súbito de morrer ou perder o controle?

 

- Você tem medo ou se sente incomodado(a) em estar no centro das atenções? Teve medo de ser humilhado(a) em situações sociais (ex.: falar em público, escrever quando alguém está olhando, comer com outras pessoas, etc.)?
 

- Você fica ansioso(a) ou desconfortável em lugares ou situações em que pode ser difícil escapar ou obter ajuda (ex.: em meio a muitas pessoas, esperando numa fila, longe de casa ou sozinho (a) em casa, atravessando uma ponte, dentro de um ônibus, de um carro ou de um avião?

 

 

Se sua resposta foi SIM para alguma dessas perguntas, é possível que você tenha apresentado sintomas relacionados a algum transtorno de ansiedade. Caso isso esteja ligado a problemas em sua vida, busque auxílio profissional para avaliação, esclarecimento, tratamento e prevenção.

 

"A ansiedade não livra o amanhã de suas tristezas, apenas esvazia o hoje de suas forças" (Charles H. Spurgeon).